Dica de série: Bitten


Bom dia!

Quem gosta de séries com a temática sobrenatural talvez se interesse por esta nova série, adaptação de Daegan Fryklind (Being Erica, The Listener) da saga “Women of The Otherworld”, escrita por Kelley Armstrong.

Bitten

A história gira em torno de Elena (Laura Vandervoort), a única mulher no mundo a sobreviver a uma mordida e se tornar uma lobisomem (ou seria uma “lobiswoman”?). Ela é uma fotógrafa que vive em Toronto, e tudo o que deseja é levar uma vida normal ao lado do namorado – Philip – ainda que precise esconder de todos sua natureza.

As coisas se complicam quando Elena é chamada para ajudar sua família – o bando que a acolheu após sua transformação. De volta à casa onde morou até um ano atrás, ela coloca à prova suas decisões e vê ameaçada sua chance de viver como uma humana normal.

E ainda há Clay, do qual ainda se sabe pouco, mas com quem a personagem tem muita química. Sabemos que eles tinham um romance, mas não sabemos qual a mágoa de Elena em relação a ele ou por quê os dois se afastaram (acredito que tenha sido ele quem a transformou, mas parece que a mágoa dela é algo mais recente).

Confiram o trailer da primeira temporada, ainda sem legenda:

À primeira vista, Bitten não apresenta maiores inovações e até parece ser apenas mais uma série teen falando de lobisomens. Porém, ela não é uma série teen. Os personagens são adultos, e inclusive há muitas cenas, digamos… impróprias para menores. Também não tem muita ênfase no romance, como se poderia pensar. O foco é em Elena e na família, e nos crimes que estão ocorrendo.

Nada muito inovador, mas passa muito longe de ser tão ruim quanto às críticas anteriores ao lançamento. Está no terceiro episódio e acredito que vale a pena dar uma chance. Se vai melhorar ou piorar, só vamos saber com o tempo.

Alguém aí já assistiu ou pretende?